5 de dezembro de 2011

Rob Gordon X Tim - 2011 Edition - Parte Final

(Para entender melhor, leia a Parte I aqui)


Bem, em menos de vinte minutos, eu descobri que a Tim não possui uma ouvidoria. Ou eles não têm uma ouvidoria em estoque. Tanto faz. Mas a coisa funciona assim. Você liga para o SAC da TIM. Se eles não resolvem seu problema, com quem você pode reclamar? Com o SAC da TIM. É quase como seu time sofrer um pênalti e você poder reclamar sobre isso somente com o capitão da equipe adversária. Não é genial?

Neste meio tempo, tive mais uns três quebra-paus com a empresa. Em um determinado momento, eu cheguei a perder o foco totalmente. Meu objetivo não era mais conseguir meu aparelho, era inaugurar uma ouvidoria dentro da empresa. Mas falhei em todos os objetivos.

E, num belo dia, a Tim imprimiu toda a gravação destas conversas e usou as folhas e o meu cadastro para acender a churrasqueira na festa do final de ano da empresa. Mas, nesta mesma ocasião, algum atendente recebeu, como presente de amigo secreto, um vale-ligação para o Rob Gordon, com o direito de bater papo comigo sobre o telefone. Pobre coitado.

- Senhor Gordon?

- Sim.

- Estou ligando a respeito do aparelho que o senhor comprou alguns dias atrás.

- Comprei?

- Sim, aqui diz que o senhor adquiriu um iPhone.

- Não, deve ter algo errado. Eu estou com o meu telefone agora... Espera, você me dá um minuto?

- Claro.

- Pronto. Voltei. Então, deve estar havendo algum engano. Eu precisei tirar o telefone do ouvido para checar, porque este é o único celular que eu não tenho. E eu tinha razão, não é um iPhone. Está escrito Motorola nele.

- Sim, senhor, estou ligando a respeito do aparelho que não foi entregue.

- Ah! Você é daquela empresa que vende os produtos que não têm! Entendi. Diga, em que posso ajudá-lo?

- Estou ligando para informar que o aparelho ainda não consta no estoque.

- Oi?

- Nós ainda não recebemos o aparelho que o senhor solicitou.

- Em primeiro lugar, eu não solicitei; eu comprei. Em segundo lugar, eu ainda não entendi o propósito desta ligação. Fala a verdade, você ligou só para dar um oi, né?

- Não, senhor. Como o aparelho do senhor ainda não foi entregue, liguei para informar que ainda não temos.

- Sei. Esta foi a informação mais útil que eu poderia ter recebido. Vamos tentar transformar nossa conversa em algo mais produtivo?

- Senhor, o estoque...

- Não, eu fiz uma pergunta e tudo o que você precisa falar é “sim, senhor”. Vamos tentar mais uma vez. Vamos tentar transformar nossa conversa em algo mais produtivo?

- Sim, senhor.

- Boa! Então, vamos lá: quando você vai ter este aparelho em estoque?

- Não sei precisar ao certo, pois já estamos aguardando a chegada do iPhone 5.

- Oi? A chegada do iPhone o quê?

- Sim, os primeiros modelos de iPhone 5 chegarão para nós nas próximas semanas.

- Então, eu sei que não tenho nada a ver com a sua vida, mas queria dar um toque para você. Esse aparelho não existe.

- Existe sim, senhor. Ele já está disponível na Europa e nos Estados Unidos, e deverá chegar ao Brasil em breve.

- Cara, se você receber um iPhone 5 aí, meu conselho é que você embrulhe esta merda num casaco sem ninguém ver, saia correndo daí e vá patentear este negócio no seu nome.

- Senhor?

- Sim, você vai ficar milionário. Capaz até de quebrar a Apple. E você vai passar o resto da vida comendo quem quiser, jantando em restaurantes caríssimos e nunca mais vai precisar falar com gente pobre como eu.

- Senhor, esta é a informação que eu tenho aqui.

- Olha, você estão se aprimorando. Antes, vocês vendiam coisas que não tinham, agora estão começando a vender coisas que não existem. O nome do aparelho é iPhone 4s, e não iPhone 5

- Sim, iPhone 4s é a terminologia técnica que usamos aqui no callcenter, a respeito do IPhone 5.

- Não, iPhone 4s é a terminologia que o planeta inteiro usa! Ou seja, das duas umas: ou alguém te sacaneou aí dentro, ou eu acordei em uma realidade alternativa na qual o os sete bilhões de habitantes do mundo se tornaram atendentes da Tim. Caso isso tenha acontecido, pode esquecer meu aparelho. Eu vou construir um foguete e passar o resto da vida no espaço. Sozinho. E sem telefone, que é para vocês não me ligarem.

- Senhor...

- Aliás, eu vou desligar agora porque preciso comprar os materiais para o foguete. Vocês não vendem urânio aí, né?

- Como, senhor?

- Nada. Até logo.

- A Tim agradece...

- Então, enfia no cu.

A situação durou alguns dias atrás. Era tarde da noite – já passavam das 22h00min – quando o telefone tocou. Era uma menina da Tim, falando baixo. Provavelmente, estava ligando escondida dos outros.

- Senhor Gordon?

- Sim.

- Aqui é da Tim, estou ligando para falar sobre o seu aparelho.

Pensei em desligar na cara dela, mas o tom de voz dela me deixou intrigado. Mesmo porque ele falava tão baixo que eu não entendi metade do que ela disse.

- Você é quem de onde?

- Sou da Tim.

Sem dúvida, ela estava cochichando. E ficou em silêncio depois disso. Será que ela esperava que eu falasse alguma espécie de senha para provar que eu não era um agente inimigo? Bem, na dúvida, usei a mesma senha que uso sempre.

- Diga.

- Realmente, o aparelho que o senhor pediu não existe no estoque.

- Eu sei disso. É a oitava vez em apenas alguns dias que eu ouço as palavras “não”, “estoque” e “Tim” na mesma frase. Eu meio que já entendi o significado.

- Estou ligando para oferecer outro aparelho por custo zero para o senhor. Um Samsung Galaxy S II.

Realmente, a menina estava cochichando.

Com certeza era trote. Aposto que ela estava na mesa dela, seminua e sussurrando, cercada por meia dúzia de atendentes da TIM, todos bêbados, aguardando ansiosamente eu aceitar tudo aquilo e descobrirem meu endereço. E, vou além: dois dias depois, passariam de madrugada aqui em frente jogando ovos no meu prédio.

Mas, sabem... Todo mundo tem um preço. Todo mundo. Imperadores, presidentes, senadores. Todos têm seu preço. Eu tenho o meu. E o nome dele é custo zero.

Assim, dentro da minha imaginação, ela deixou de ser uma bêbada delinquente e sem ética profissional nenhuma e se tornou um valioso membro da resistência, arriscando a vida constantemente dentro da TIM. Um exemplo de coragem! E eu jamais poderia impedir aquela garota de cumprir sua missão!

Além disso, era custo zero.

Saí correndo pela casa, peguei meu chapéu e levantei a gola do casaco. Entrei no banheiro, liguei o chuveiro para evitar que a ligação fosse monitorada e me abaixei num canto escuro.

- Pode falar.

- Como?

- Pode falar. Estou ouvindo. Câmbio.

- Eu não estou ouvindo o senhor direito.

- Sim, é porque eu estou cochichando também. Diga.

- Se for do interesse do senhor, eu posso fazer um Samsung Galaxy S II ser entregue na sua casa em sete dias úteis, a custo zero.

- Gostei do custo zero. Você pode falar mais uma vez?

- Custo zero.

- Ah, que delícia. Sete dias?

- Isso.

- Só uma última pergunta.

- Pois não?

- Você jura pela sua vida e pela sua pátria que vocês tem este telefone no estoque?

- Sim, senhor.

- É para jurar!

- Juro.

- Ótimo. Eu vou querer.

Ela confirmou o endereço e deixou tudo encaminhado. Desliguei o chuveiro e fui para a sala. Esta noite eu dormi tranquilo. Mas hoje já acordei preocupado. E se ela for uma agente dupla? E se ela trabalha para outra operadora de celular, e se infiltrou na TIM como sabotadora?

Eu estou sendo sacaneado, tenho certeza. Eu ainda não sei direito como, mas estou sendo sacaneado.

Na dúvida, quando (ou melhor, se) este pacote chegar, eu vou avisar o porteiro que ele mesmo pode abrir a caixa. E, se a portaria do meu prédio explodir... Chupa TIM!

Vocês vão ter que se esforçar mais.

40 comentários:

Michele disse...

mas... a pergunta que não quer calar... E SE AO PEDIR UM GALAXY S II VIER UM IPHONE 4S(ou como eles definem, iPhone 5)?
Ou nenhum dos dois chegarem... OU te cobrarem pelo Galaxy S II? Sério, você deveria tomar mais cuidado com essas artimanhas das operadoras de telefonia desse Brasil...

Heloisa disse...

Pior é chegar um iPhone 5 na sua casa. Sabe que a china faz milgares, né? hahahahaha

Silvestre Mendes disse...

Eu sei que é trágico, mas eu ri! Pior foi o atendente tentar bancar o "smartão" com você e dizer que 4S é uma terminologia interna para designar o Iphone 5. OI??

Bem, espero que chegue o Galaxy II aí pra você!

Benito Bondoso disse...

ó falta eles ligarem para informar que a atendente não percebeu que os Samsungs tinham acabado no estoque.

Mas isso seria pessimismo demais...ou não.

Elise disse...

Você podia ter perguntado pro cara se o iPhone 5 vinha com um DeLorean junto... porque só indo pro futuro, hahahaha.

Sério, alguns deles acham que somos uns tapados que não sabem o que é que anda sendo lançado por aí. "Terminologia técnica que usamos [...] a respeito do iPhone 5"? Eles não sabem atender, mas brincar de "olha, eu li o dicionário" eles sabem, né,? =P

Elise disse...

Aliás, onde se lê "só indo pro futuro", leia-se "só vindo do futuro"... meus dedos estão meio tapados, haha.

Anônimo disse...

Procure a Anatel.

Gilgomex™ disse...

Samsung Gaçaxy SII custo zero??? Cara, preciso muito brigar com a TIM... Sério. Esse é o celular dos meus sonhos (pelos menos até sair algum outro celular dos meus sonhos)... Não tem como dar o meu endereço. Depois vc diz pra eles que foi estraviado, sei lá... Aliás, estraviado ou extraviado??? Me deu preguiça de olhar no gugou...

relosilla disse...

Comprei um Iphone na tim, um 3GS, em agosto. Em outubro o aparelho apresentou problemas no aplicativo de fotos, liguei na tim para saber se tinha uma solução, afinal o celular era novo. A atendente me disse que não podia ajudar pq eles só arrumam problemas na internet ou no e-mail. A minha sorte foi que a atualização do sistema sanou o problema, pq depender da tim...

Natalia Máximo disse...

caralhooooooooo, melhor troca, velho! Galaxy <333333333

(Isso se o aparelho chegar, né. Vou torcer bastante)

E ODEIO atendente que tenta dar uma de espertinho. Uma vez, fui na Claro pra ver como fazia a mudança da minha conta e tals, aí uma menina chegou procurando um smartphone de entrada e tals... Recomendei um da fabricante que a gente atende na agência que eu trabalho, deixando claro que não era um smartphone: é um celular com a experiência de um smartphone.

Aí o atendente veio me cortar e falar que "não, é smartphone sim porque tem wifi e acessa redes sociais". Eu só olhei pra ele e falei "tá, tá bom" e falei pra menina que não era. Tudo bem que minha vontade era falar "AMIGUINHO, eu vejo e mexo nesse celular antes de você saber da existência dele, então não venha falar merda pra mim", mas pra que chutar cachorro morto, né?

Rafael disse...

Fez um baita negócio. O Galaxy S2 é infinitamente melhor que o iPhone4

disse...

Rob, quase morri de rir. Esse Iphone 5 veio do futuro, poxa, porque vc não aceitou?! Aposto que veio num Delorean direto pra vc!!!

Quanto a cena da atendente seminua deitada na mesa cochichando... eu fiz uma imagem tão bizarra na minha cabeça, que depois de meia hora rindo sem parar, eu descobrí: vc é mais doente do que a minha imaginação fértil (e doente tb) pra descrever essa coisa BIZARRA!

Bom, mas no fim, que bom que a palavra magica foi dita: "custo zero". Que delícia, heim.

Depois conta aí se esse aparelho chegou mesmo ou se vai ser só lenda urbana.

Varotto disse...

Cara, que mole!

Você deixou passar um negócio, literalmente, da China.

Acho que o cara estava querendo te passar um incrível HiPhone 5 e você despachou o cara?!

Olha só que beleza:

http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-212721571-frete-gratis-celular-hiphone-5-dual-chip-wi-fi-touch-java-_JM

Pô, vai se informar melhor antes de ficar sacaneando o povo trabalhador da TIM!

Rob Gordon disse...

Michele:

Você está especulando alto demais. Eu ainda acho que vai ser uma bomba. Ou uma pedra. Ou uma pedra que explode.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Heloisa:

Capaz de chegar um iPhone 5, com carregador do Samsung Glaxy. "Era o que tinha no estoque", vão dizer.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Silvestre:

Genial, né? "Esta terminologia é interna nossa." Oi? Em que planeta essa pessoa vive?

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Benito Bondoso:

Olhe, não sei se seria pessimismo demais. Dado o histórico da TIM comigo, acho que seria absolutamente normal. Isso, claro, se eles não inventarem outra coisa mais elaborada, tipo "a Samsung faliu".

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Elise:

Se não vier com o DeLorean, podia ao menos vir com o tênis que ajusta automaticamente e a jaqueta que seca sozinha, né?

Beijão!

Rob

Rob Gordon disse...

Anônimo:

Com certeza, é o próximo passo, se isso não se resolver.

Abraços

Rob

Rob Gordon disse...

Gomex:

Vamos dar o golpe na Tim então? Capaz de chegarem dois iPhone 5, um para mim e outro para você!

Abraços!

Rob

Alan (FFC) disse...

Dei muita risada como sempre...hahhahah. Tomara que agora resolva tudo... rs

Rob Gordon disse...

Relosilla:

Já aconteceu comigo antes, faz anos. Meu aparelho deu problema e eles se recusaram a me ajudar - era um aparelho que eu havia comprado diretamente com eles. Precisei fechar o tempo durante semanas até conseguir alguma satisfação decente deles!

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Natália:

Todo mundo tem dito para mim (bem, ao menos uns 99% das pessoas) que o Galaxy S2 é bem melhor que o iPhone. Mas, como eu ainda corro o risco de ganhar uma pedra que explode, melhor não comemorar nada ainda.

Essa questão dos atendentes que você levantou é absurda. Uma vez eu fui conmprar o BD de Across the Universe e o atendente da Saraiva insistiu comigo que ele não havia sido lançado no Brasil. Eu pensei em dizer a ele que sim, foi lançado, porque eu já vi o disco físico, escrevi a respeito disso na época do lançamento e que se você quiser nós ligamos agora para alguém do departamento de marketing da Sony para confirmar isso, mas deixei quieto.

Saí da loja, fui em outra e comprei. E, claro, nacional.

Beijão!

Rob

Rob Gordon disse...

Rafael:

Quem bom, fico feliz em saber! Algo me diz que eu vou gostar bastante sim!

Abração!

Rob

Rob Gordon disse...

Fê:

Que bom que você curtiu o post! Como eu disse no Twitter, alguém tem que se divertir com isso! E vamos torcer para o aparelho chegar, sim - afinal, espero que eu consiga fazer vocês se divertirem com outras tragédias, essa da Tim já cansou aqui!

Beijão!

Rob

Rob Gordon disse...

Varotto:

Que link fantástico! Já guardei nos favoritos (caso eles mandem um HiPhone 5, é bom eu ter como referência!).

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Alan (FFC):

Que bom que curtiu! Vamos torcer para tudo ter resolvido - mas, como é Tim, a probabilidade não é das maiores. Eu já mencionei a pedra que explode enquanto respondo os comentários, certo?

Abraços

Rob

Kel Sodré disse...

hihihihuahuashuashuasHUASHUASHUAS

Nem sei escolher o melhor trecho dos diálogos, só sei que tô no time dos que admiram o seu raciocínio rápido. Muitas vezes, quase ME MATO de raiva porque só penso na resposta certa pra dar pra algum impropério tipo 40 segundos depois da hora em que eu deveria ter dito.

Sobre a troca do iPhone pelo Samsung, well, não sou a mais entendida dessas tecnologias, mas o que eu tenho a dizer é que: gente, o Samsung vem com coraçãozinho (S2) no nome. Como não achar melhor logo de cara??? hehe #infame

Luis Rangel disse...

"Saí correndo pela casa, peguei meu chapéu e levantei a gola do casaco. Entrei no banheiro, liguei o chuveiro para evitar que a ligação fosse monitorada e me abaixei num canto escuro.

- Pode falar."

heuAHEuahUEhaUEHuaheaueh
Caralho Rob já pensou em escrever um romance policial cômico?

Sempre me divirto p/ caramba com teus textos.

Abraços

Rob Gordon disse...

Kel:

Raciocínio rápido é tudo nesta vida. Mas é questão de hábito. E com telemarketing é fácil. Como eu disse respondendo outro comentário, basta apenas deixar o sujeito falar que ele certamente vai abrir uma brecha - e, claro, basta já ligar o sarcasmo no momento que o sujeito começar a discursar bobagens.

Beijos!

Rob

Rob Gordon disse...

Luis Rangel:

Tá aí. Romance policial cômico. Não tinha pensando nisso. Ao menos, não ainda.

Obrigado pelos elogios, cara!

Abração!

Rob

Barlavento disse...

Acho que vou torcer pro aparelho não chegar e você ter que ligar pra TIM de novo.
Nada pessoal, Rob. É que eu adoro suas conversas com atendentes de telemarketing.

Rob Gordon disse...

Barlavento:

Sua torcida está dando certo. Ainda não chegou nada aqui! Tim, tremei!

Beijão

Rob

Maria Cláudia disse...

Ah, Rob... Bem vindo ao mundo mágico dos iludidos pela TIM!!!!
Perdi a conta das vezes em que discuti com aqueles preparadíssimos atendentes do SAC. E já fiz as mesmas pergutnas que vo... "Quero o telefone da Ouvidoria" "Quero falar com o Supervisor", mas, no meu caso, o Supervisor não estava disponível para atender à minha ligação. Resolvi, então, "fuçar" o site da TIM para ver se achava algum tipo de link para reclamar... E encontrei o seguinte: "Fale com o Diretor Superintendente".
Pronto, tinha achado a minha solução....
Respirei fundo, me enchi de coragem, cliquei e........ surgiu uma pop-up: "função não implementada".

Aparentemente, estão faltando Diretores Superintendentes em estoque também....!!!!!

Dragus disse...

Essa não é a parte final.

Falta o epílogo, que é se chegar o aparelho.

Ou o próximo capítulo seria "O Timpério Contra-Ataca"? Onde você seria congelado num Iphone4s de carbonita e vendido a operadora rival para o Ronaldo the Hutt para servir de enfeite.

Caberia a Princesa Savini juntar-se a Besta-Chewie para resgatá-lo enquanto...

Melhor parar por aqui, viajei demais.

IsabelVeronica disse...

Meu amigo, vou acender umas velas, alguns incensos e ficar aqui torcendo para que você consiga receber o Galaxy S II e, não esquecendo, sem custo.

Quando chegar, faça o favor de tirar uma foto e postar. Preciso ver com meu próprios olhos.

Beijos!

Rob Gordon disse...

Dragus:

Oremos para que seja a parte final (e O Timpério Contra-Ataca foi genial!)

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Isabel:

Prometo que postarei a foto! Obrigado pelos incensos!

Beijos

Rob

Tainá disse...

Quando imagino você falando com os atendentes sinto uma vontade enorme de ser você. KKKKKKKKKK

Rob Gordon disse...

Tainá:

Não vale a pena, vai por mim. Essas conversas com atendentes rendem bons posts, mas o stress é grande demais. :)

Beijos!

Rob