13 de dezembro de 2011

O Caso da Gordinha Mentirosa

Foi ontem, voltando para casa.

Eu estava no ônibus, lendo, e ela sentou ao meu lado. Gordinha, cabelos curtos. Por volta de seus 25 anos. Assim que se sentou, sacou o celular do bolso e ligou. Eu não consegui mais ler e fiquei apenas olhando o livro e prestando atenção no que ela dizia.

- Amor? Eu fiquei muito brava com você hoje! Muito brava mesmo! Com aquela mensagem que você deixou no Messenger para mim. A que você deixou antes de sair. Eu respondi! Você viu? Ah, que bom que você não viu, porque eu fiquei furiosa na frente do PC com o que você disse! Fiquei muito puta com você, de verdade! Você tem que entender que eu não respondo você porque estou ocupada, e você não tem o direito de achar que depois que você vai embora eu coloco o Messenger no disponível! O meu Messenger está sempre no ocupado, porque eu estou sempre ocupada! Tanto é que eu uso o Messenger apenas para falar com você! Não, o meu Messenger está sempre no ocupado! Eu faço questão de colocar ele no ocupado, todos os dias, porque meus dias estão muito corridos e eu não posso ficar conversando com todo mundo! Por isso que ele está sempre no ocupado, e não somente quando eu estou conversando com você! Eu tive que mandar as coisas para gráfica, e ainda nem defini com o Luiz sobre os anúncios. E já estão me cobrando que eu tenho que entregar tudo esta semana! Isso, aqueles anúncios que te falei. Então, me responde, você acha que minha semana vai ser fácil? Não, certo? É por isso que eu demoro a responder, e não porque estou falando com os outros! É por isso que eu sempre coloco o meu Messenger no ocupado! Não, não me importa se as outras pessoas da empresa deixam o Messenger no disponível, eu sempre coloco no ocupado porque não posso ficar conversando. Não, quando eu fico offline é porque o PC deu pau e eu tenho que reiniciar. Aquilo dá pau toda hora! Só hoje foram duas vezes! E ainda tem o telefone que toca o tempo inteiro, todo mundo me procurando para alguma coisa. Fiquei muito puta com o que você falou! Você realmente acha que eu não quero falar com você, que eu não quero saber da sua vida! Ah, certo! Eu nunca quis saber nada da sua vida, né? Não, eu já disse, o PC dá pau e eu tenho que reiniciar! E aí quando eu reinicio, nem olho o Messenger, não olho nem se ele conectou ou não, porque eu estou sempre ocupada fazendo outras coisas! Porque eu tenho mais o que fazer naquela mesa do que ficar olhando para ver se o Messenger conectou! Eu só uso o Messenger para falar com você! E você ficar falando que eu só não converso com você é muito egoísmo! Fiquei muito puta com você! Fiquei furiosa, de verdade! Não, mais tarde a gente conversa! Não, não quero falar mais! Não, deixa! De noite a gente conversa, mas nunca mais fale isso para mim, porque eu uso o Messenger somente para conversar com você! Então não diga que eu não estou nem aí para você! Você é muito egoísta! Tchau!

Não ouvi nada do que o namorado dela disse, mas estou certo de que ele se arrependeu e pediu desculpas. Ou, ao menos, tentou.

E, claro, ela não somente não o desculpou como ainda vai demorar a perdoá-lo. Ou seja, o cara ainda vai pastar na mão dela, fazendo de tudo para mostrar que está arrependido pelo que disse e pela discussão até ela se convencer disso, o que deve acontecer dias depois de ele se sentir a pior pessoa do planeta.

E injustamente.

Porque, no momento em que ela desligou o telefone, minha vontade era dizer:

- Talvez o seu namorado seja tão apaixonado por você que não consegue perceber o quanto você é mentirosa. Mas você é mentirosa. Você é mentirosa e sabe disso.

Porque ela está mentindo para ele. Aliás, pela forma que ela manipulou o sujeito, invertendo a situação com segurança e crueldade, não deve ser a primeira vez – e provavelmente não será a última.

Mas isto, claro, é apenas um palpite meu.

A única certeza que tenho é que ela estava mentindo nesta conversa.

Algum dos leitores quer brincar de detetive e se arriscar a dizer, aqui nos comentários, em qual momento da conversa ela se entregou na própria mentira?

Divirtam-se.

46 comentários:

Elise disse...

Lá vai um palpite:
Não, o meu Messenger está sempre no ocupado! Eu faço questão de colocar ele no ocupado, todos os dias, porque meus dias estão muito corridos e eu não posso ficar conversando com todo mundo! e quando eu reinicio, nem olho o Messenger, não olho nem se ele conectou ou não, porque eu estou sempre ocupada fazendo outras coisas!

Se ela não se dá ao trabalho de olhar se o Messenger conectou, como é que ela coloca o dito-cujo no ocupado sempre?
E se o Messenger também é usado na empresa - como ela demonstra dizendo que todo mundo fica disponível - como que ela só usa pra falar com ele?

Sei lá, viu, É só um palpite.

Daniel disse...

Olha, gostei do desafio! Ela falou no começo da bronca que "ela não pode ficar conversando com todo mundo", mas depois ela falou que usa o messenger pra falar só com ele. Contradição, mentira! Ah, e quanto à gordinha, se ela estiver mentindo de verdade, ela vai desculpar rapidinho. Não por arrependimento, mas sim pra poder inventar uma outra briga depois. Palpite só!

Stephanie disse...

Talvez por ela ter dito que sempre coloca no Ocupado e depois ter dito que quando reinicia nem olha se conectou?

Se bem que pode estar pra conectar direto no Ocupado, né...
Continuo na busca.

Ótimo post!

Eric Franco disse...

Em todas?

Marina disse...

Quando meu MSN reinicia, ele já entra ocupado. Às vezes, dá um pau estranho e ele entra online, mas é raro.

Não achei a contradição.

Michelle disse...

Adorei a brincadeira! Acho q ela mentiu pq se ela deixasse o msn sempre no ocupado nao teria q colocá-lo todo dia no ocupado. Mas sem a ajuda da Stephanie nao teria lembrado!

Natalia Máximo disse...

Não sei se é contradição, mas a mentira é que, desculpa, NINGUÉM TRABALHA TANTO ASSIM. Ainda mais se tiver que ficar sentado o dia inteiro de frente pro computador. É impossível não entrar no Facebook rapidinho, ou dar uma olhadinha no MSN. Nem essa gordinha deve resistir.

Alan (FFC) disse...

Ela não respondeu a mensagem dele no msn... Ficou aliviada quando ele disse que não leu...hahhaha

Gostei do post...

Mari Hauer disse...

Como assim ela sabe que as outras pessoas da empresa ficam online se ela nem olha no msn dela?

E quem não pode ficar conversando, não entra NUNCA no msn.

E se o namorado sabe que quando ele sai, ela fica disponível? Entao ela FICA DISPONÍVEL em algum momento!

E me diz... se a gordinha trabalha tanto assim, que horas ela come tanto pra ser gordinha?

ODEIO GENTE QUE CRIA DESCULPA! O mundo tá perdido! Até a gordinha mentirosa e manipuladora com um namorado e eu aqui! Ô fase!

Renata de Toledo disse...

oi Rob, deixa eu me denunciar como leitora de suspense policial... "aquela mensagem que você deixou antes de sair". Pronto, acabou. Ela estava no MSN, viu o cidadão escrever a mensagem e se desconectar em seguida. Sensacional, como sempre, mas elementar meu caro Rob.

Karina disse...

Não sei exatamente qual a contradição, mas acho que a moça tem toda razão na discussão. Que coisa mais chata, egoísta e desocupada ficar cobrando atenção dos outros no messenger!

Michele disse...

"Com aquela mensagem que você deixou no Messenger para mim. A que você deixou antes de sair. Eu respondi! Você viu?"

"O meu Messenger está sempre no ocupado, porque eu estou sempre ocupada! Tanto é que eu uso o Messenger apenas para falar com você! Não, o meu Messenger está sempre no ocupado! Eu faço questão de colocar ele no ocupado, todos os dias, porque meus dias estão muito corridos e eu não posso ficar conversando com todo mundo! Por isso que ele está sempre no ocupado, e não somente quando eu estou conversando com você!"

"Eu só uso o Messenger para falar com você! E você ficar falando que eu só não converso com você é muito egoísmo!"

tipo, como ela sabe q ele saiu assim q mandou a mensagem se ela n fica olhando o messenger?

Nelson disse...

Pra ser sincero, acho que a mentira se escancara na atitude dela. Mentirosos sabem muito bem como inverter a situação e desvirtuar o diálogo, se tornando em vítimas. Lidar com algum mentiroso acuado é sempre complicado, porque eles nunca vão admitir que mentiram, admitir o próprio erro ou pedir desculpas. Normalmente, ao lidar com esse tipo de gente eu fico no "aham", e bola pra frente.

E sem querer ser mala, mas esse diálogo aí reflete bem o que eu vejo em um monte de casais imaturos: disputa por poder. Em vez das pessoas se ajudarem, se completarem e etc, ficam disputando quem controla a relação, e depois reclamam que se sentem "sufocados". Triste.

Gilgomex™ disse...

"Aquilo dá pau toda hora! Só hoje foram duas vezes!"

Foi aqui que ela mentiu! Pois se dá pau toda hora, deveria ter dado pau pelo menos umas 7 vezes... heuheuheuhueh (até parece, né?)

Será que ninguém mais viu a resposta? Está na cara. Eu já sei exatamente o ponto... Mas é claro que eu não vou contar, pois não quero estragar a surpresa de ninguém... Seria muita sacanagem de minha parte.

Juliana Leodoro disse...

Quando ela fala da mensagem que ele mandou antes de sair.

Quando ela chama a mala-sem-alça de amor. Cara chato! Eles se merecem!

Marcel Moura disse...

1: eu uso o Messenger apenas para falar com você!
2: Por isso que ele está sempre no ocupado, e não somente quando eu estou conversando com você!


Então ela mantém no ocupado mesmo quando está falando com outras pessoas.

q.e.d.

Lígia disse...

Eu acho que ela não está mentindo.
E o cara é um pé no saco!

Kel Sodré disse...

Então. Vamos a um esclarecimento:

1 - Messenger (Gtalk, chat do Facebook e afins) NÃO deve ser usado quando o assunto é urgente. O interlocutor deve ter a compreensão que o outro pode, de fato, estar ocupado - ou desatento - demais para ver e responder prontamente à mensagem enviada.

Assim, se o sujeito queria compartilhar uma coisa premente da vida dele com ela - uma nova conquista, um drama, uma dúvida, uma ideia de programa para o fim de semana, um dilema, uma angústia etc etc etc - e não podia esperar até a noite para fazê-lo, o Messenger não era a melhor ferramenta para tal (e, vamos combinar: ele é NAMORADO dela, então poderia perfeitamente ter LIGADO para ela!). Além disso, outra coisa deve ser considerada: carência do capeta esse cara tem, hein! Esse negócio de "você nunca quer saber nada da minha vida" é Drama Queen demais pro meu gosto. Não tá satisfeito, negão, cai fora! E se de fato essa garota está mentindo pro cara, é por essa chatice dele, essa cobrança toda por atenção!

Mas, então, Rob. Eu confesso que fiquei com a visão muito obtusa e voltada pro ponto de vista da garota e não consegui captar o pulo do gato. Onde é que você percebeu que ela está mentindo?

Rob Gordon disse...

Caros:

Vamos por partes. Primeiro, vou mostrar onde ela está mentindo; depois, respondo os comentários.

Antes de mais nada, vale lembrar que algumas frases dela, especialmente "Por isso que ele está sempre no ocupado, e não somente quando eu estou conversando com você!" não serve como prova. Ela poderia muito bem estar apenas rebatendo algo que ele disse - o que é bem provável. O mesmo vale para a parte em que ela diz que as outras pessoas da empresa deixam o Msn como disponível. Ela poderia ter ficado sabendo disso no mesmo momento, já que foi ele quem disse isso.

Mas a mentira dela fica óbvia quando ela diz que "faz questão de deixar o Msn no ocupado", mas, logo em seguida, diz que "quando eu reinicio, nem olho o Messenger, não olho nem se ele conectou ou não", o que contraria totalmente a frase anterior, especialmente a parte do "FAÇO QUESTÃO de deixar ocupado".

Ou ela nem olha se o Msn conectou, ou ela faz questão de deixar no ocupado.

E claro que isso poderia ter acontecido uma vez ou outra, mas, como ela mesma disse, o PC dá pau toda hora ("só hoje foram duas vezes"), então o PC reiniciar (e ela nem olhar se o Msn conectou) é algo frequente, o que contraria ainda mais o "faço questão de deixar ocupado" que ela ficou martelando em cima.

Gordinha pilantra.

Agora, vamos responder os comentários!

Rob

Rob Gordon disse...

Elise:

Você acertou na mosca.

Já na parte do "uso só para falar com você", talvez ela estivesse se referindo a bater papo, e não para trabalho. Mas talvez seja mentira também. Esta não temos como saber.

Beijão!

Rob

Rob Gordon disse...

Daniel:

Como eu disse acima, talvez o "não poder conversar com todo mundo" seja somente referente a bate papo. Mas não temos como saber ao certo. Mas, também como eu disse, pode ser outra mentira, sim.

E concordo com você. Acredito que ela vá perdoar logo (não sem antes torturar o cara para ressaltar seu controle), somente para arrumar outra briga. Tem gente que é viciado nisso.

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Stephanie:

That's a bingo!

Beijos!

Rob

Rob Gordon disse...

Eric Franco:

Não sei. Mas não duvido.

Abração!

Rob

Rob Gordon disse...

Marina:

A questão não é se ele entrar ocupado ou não. A questão é a contradição entre "faço questão de deixar ocupado" e "nem olho se ele conectou".

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Natalia:

Pensando assim, outside the box, concordo com você!

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Alan (FFC):

Mas ela respondeu, sim. Talvez ele tenha visto somente no dia seguinte.

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Mari Hauer:

Talvez "ela ficar disponível para os outros" seja somente encanação do namorado - afinal, ele não deve saber isso com certeza. O mesmo vale para os outros ficarem online. Ou seja, podem ser mentiras, mas não temos como saber.

Mas concordo que se ela não pode nem dar "oi", não deveria nem entrar no Msn.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Renata de Toledo:

Talvez não. Talvez a mensagem tenha pipocado na tela dela e, quando ela leu inteira, ele poderia já ter desconectado.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Karina:

Mas aí é do relacionamento dos dois, não sabemos como eles interagem. Aí estaríamos indo além do diálogo, e sem base concreta nenhuma. seria quase uma adivinhação.

Beijão!

Rob

Rob Gordon disse...

Michele:

Quanto a mensagem, ela poderia ser apenas algo como "você não me responde, então vou embora" - ou seja, ela lê e sabe que ele foi embora. Já a parte do "faço questão de deixar o Msn ocupado" é o trampolim da verdadeira mentira, que viria depois.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Nelson:

Concordo com você em gênero, número e grau. Tem gente que é viciada pelo poder da relação. Não sei o motivo. Ego? Insegurança? Falta de auto-estima? Apenas para contar para os(as) amigos(as)? Não sei. Mas existe gente assim, e que, como você mesmo disse, eles sempre conseguem se colocar como vítimas - desvirtuando o diálogo ou usando chantagem emocional, tanto faz.

Mas, vou além: você já reparou que toda pessoa assim, especialmente num relacionamento, é maluca por microgerenciamento?

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Gomex:

Não duvido que tenha mentido nisso também!

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Juliana Leodoro:

Na mensagem, não tem mentira - ou, ao menos, não que dê para sabermos pelo diálogo. Quanto ao cara chato, como eu disse acima, precisaríamos ver o relacionamento dele também, ou ao menos ouvir o que ele falava. Sem isso, podemos apenas especular.

Beijos!

Rob

Rob Gordon disse...

Marcel:

Como disse acima, talvez neste momento ela pudesse estar apenas rebatendo algo que ele disse. Mas pode ser que não. Pode ser mais uma mentira sim, só não temos como provar ou ir mais a fundo.

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Lígia:

Ela se contradisse, sim. Mas isso não faz, obrigatoriamente, que o cara não seja um pé no saco.

Beijos

Rob

Rob Gordon disse...

Kel:

Concordo com você sobre o Gtalk, Msn etc. Mas acho que caberia um "estou ocupada, não posso falar agora." Afinal, se ela esta no Msn (ocupada ou não, já que ela mesmo "admitiu" que nem olha como ele conecta, sendo que ela reinicia o tempo inteiro) a pessoa do outro lado - sendo o namorado ou não - não tem obrigação de saber se ela pode ou não falar.

Já sobre a carência dele,. vale o que eu disse acima para outros elementos. Pode ser, pode não ser. Não temos como saber. A conversa dele já teria ajudado a ilustrar melhor. Infelizmente, temos somente o ponto de vista da Gordinha, que não parece ser uma pessoa das mais corretas, como o Nelson apontou bem aqui.

Beijos!

Rob

Michele disse...

Mas, Rob, no messenger tem uma configuração que permite fazer seu MSN conectar direto no ocupado.

Rob Gordon disse...

Michele:

"Eu faço questão de colocar ele no ocupado, todos os dias."

Aparentemente, ela não usa. Senão, ela diria que "ele está sempre no ocupado", e não que COLOCO ele no ocupado TODOS OS DIAS". Ela faz manualmente.

Beijos

Rob

Nelson disse...

Já reparei sim nessa necessidade de microgerenciamento, e creio que é justamente nisso que eles acabam se entregando como mentirosos.

Pelo que eu observei, esse pessoal tem uma auto-estima baixa, e tenta elevá-la do jeito errado: tentando convencer os outros de que é "o cara", rebaixando as outras pessoas ou chamando a atenção acima do normal. As mentiras aparecem nas histórias absurdas e controversas que eles contam, porque o tamanho daquela mentira nunca é suficiente pra manter o ego inflado. Quando os amigos começam a perceber o que acontece e se afastam, isso tende a piorar, num nível ridículo.
Tenho um amigo que tá nessa, e não adianta conversar, ele muda até as leis da Física pra se explicar, hehe.

Outra coisa que eu percebi é que o pessoal mais inseguro também tende a ser muito controlador; eu mesmo quando estou inseguro acabo ficando ciumento de um jeito excessivo com a Aline, por medo de perdê-la.
E brigadão pelos parabéns de um mês de casados. Minha ficha ainda não caiu direito, mas que a vida de casado é boa, ah, isso é.

É Rob, pelas minhas teorias amadoras de psicologia, a baixa auto-estima é o maior dos nossos problemas, e causa muita coisa. Fique feliz, orgulhoso e suba sua auto-estima, porque abaixar a cabeça e reconhecer que precisa de ajuda nessa área é para poucos :-)

grande abraço!!!

Rob Gordon disse...

Nelson:

Sobre as pessoas com auto-estima baixa, existe outro tipo - e talvez a gordinha se encaixe neste. São aquelas pessoas que tentar aumentar a auto-estima rebaixando a pessoa que está ao lado, seja por meio de mentiras, o tal microgerenciamento ou o que falamos de a pessoa distorcer para ser sempre a vítima - o que automaticamente coloca a outra pessoa como culpada de tudo.

Mas, paciência. Cada um é cada um.

E, quanto a minha auto-estima estar totalmente afetada por tudo o que venho passando, tento recuperá-la de uma forma honesta, sabe? Um texto aqui, um agrado para alguma pessoa ali, um jantar com um amigo hoje, um passeio com a Ana amanhã. Claro que há tropeços (e a Ana é sempre quem recebe a pior carga disso), mas tento sempre não prejudicar ninguém. Mesmo porque, cá entre nós, uma pessoa que tenta aumentar sua auto-estima rebaixando os outros nunca vai "ficar saciada".

Mas falando de coisas melhores, imaginei que sua ficha fosse demorar a cair - um amigo meu me falou a mesma coisa! Mas fico bem feliz por você que esta fase tem sido boa!

Abraços!

Rob

Dani Cavalheiro disse...

Huummmm cheiro de nova saga com colaboração dos leitores no ar. Você já até se entregou, Rob! rs

Beijos

Rob Gordon disse...

Dani Cavalheiro:

Uma das regras aqui no blog sempre foi a colaboração dos leitores - e é algo do que me orgulho demais! Mas pode esperar por novas sagas!

Beijos

Rob

Mário Areias disse...

Rob, nossa. Eu vi a minha ex falando comigo ai (tirando o fato que ela não é gordinha). Era sempre assim, esse joguinho sujo de virar o jogo e nunca admitir o erro e se fazer de vítima...ainda bem que é ex. Belo texto

Carol disse...

Acho que a moça tem razão, mas se a pessoa tem lago importante pra fazer, não tem que ficar dando mole no messenger, pois isso é uma ferramenta de conversa...ué!

Rob Gordon disse...

Mário:

Não tem coisa pior que isso. E, provavelmente, não tem coisa mais baixa que virar o jogo desta forma. Obrigado pelo elogio!

Abraços

Rob

Rob Gordon disse...

Carol:

A questão não é dar mole ou não no Messenger - e eu concordo com você sobre isso - mas como ela se contradiz no discursinho dela.

Beijos

Rob