25 de agosto de 2011

Atualizações e Amor

Vamos colocar o papo em dia?

Primeiro vamos falar do livro. 24 Horas, 48 Crônicas está indo muito bem, obrigado. Está perto de entrar na lista dos 30 mais vendidos (entre os mais de 1400 títulos) de Ficção no Clube dos Autores.

Além disso, ele ganhou uma menção no programa Em Pauta, da Globo News, na última segunda-feira – eu não assisti pois não estava em casa, e estou tentando conseguir uma cópia do programa. Caso isso aconteça, postarei aqui no blog.

Segundo, vamos continuar falando sobre o livro: uma das crônicas pode se tornar animação. Na verdade, existem dois projetos para transformar textos meus em animações. Um encaminhado e outro ainda embrionário. Eu não tenho participação alguma nos projetos (ao menos por enquanto) mas é claro que assim que as coisas caminharem, eu também atualizarei aqui.

Terceiro: como escritor, me sinto honrado quando pegam algo que escrevi e levam adiante. É a prova de que algum personagem que criei realmente tem vida própria. A bola da vez é esta crônica aqui, que rendeu este texto aqui, assinado pelo Leo.

Contudo, mais importante que o texto em si (que eu adorei e achei que tem momentos geniais) foi a dedicatória ao final da postagem. O texto ser baseado numa crônica minha me deixou honrado, mas a dedicatória ao final me deixou “simplesmente” feliz. E hoje isso vale muito para mim. Obrigado, Leo!

Para encerrar, quarto: não postei o link semana passada por estar atrapalhado com diversas outras coisas, mas tem um novo texto meu na página da Lipton do Facebook. O tema? Amor. Adoraria que lessem, curtissem e espalhassem para os amigos.

Segue, como de hábito, uma palhinha e o link.



Se existe algo que a humanidade busca compreender, desde o princípio dos tempos, é o amor. Poetas e músicos já tentaram explicá-lo em palavras; cientistas passaram décadas analisando as reações químicas cerebrais que o definem. Tudo em vão. O amor não se define e tampouco se explica.

O amor apenas se vive.

(leia mais aqui)

7 comentários:

Leo B. disse...

Agora é minha vez de te agradecer... Pela inspiração, e por ter gostado do que fiz.
E pode ter certeza, Walter e Cleide ainda tem muito o que trabalhar para descobrir a verdade. ;D


Abração Rob!

Ahn sim, não tem o que agradecer. Eu que me sinto lisojeado. ;)

Natalia Máximo disse...

Rob, já tentou ver se tem o link da matéria no site do Globonews? Eles sempre disponibilizam tudo que vai ao ar.

Rob Gordon disse...

Natália

Já tentei, mas não foi o programa inteiro que foi para net, somente quatro outras matérias.

Lilian disse...

Eu sou outra que estou surtando porque não colocaram o vídeo no site da GloboNews, já que citaram a minha resenha do seu livro na matéria (e tenho que agradecer por ter podido ler seu livro e tudo acontecer como aconteceu). Se o livro está fazendo sucesso, não é nada menos que merecido.

Vou lá ler o texto na página da Lipton! \o/

Varotto disse...

Agora vai!

Lilian disse...

E esqueci de comentar: COMO assim animação? Mal posso esperar pra ver.

Miss Sbaile disse...

Orgulho de você, Robinho. Na minha cabeça, eu já conheço você, só de ler os textos.

Vamos ver o que sai por aqui. Muita paciência... que é amiga da perfeição, principalmente no meu ramo.

Abração!