21 de junho de 2010

Rob Gordon X Champ Vinyl X Bloqueio Criativo

Cinco dias sem postar. Cinco. Fazia muito tempo que isso não acontecia. Aliás, o problema não é passar cinco dias sem postar, mas sim ficar cinco dias sem escrever. Sinto falta de escrever. Por outro lado, sinto falta de escrever mais não sei ao certo o motivo de não ter sequer rabiscado algo esses dias.

Tudo bem, os problemas de sempre estão ao meu redor: falta de tempo, atolado de coisas para fazer no trabalho, dezenas de coisas para resolver, matérias para escrever, telefonemas para fazer. E tem a Copa do Mundo também... Minha atenção fica toda ali. Junte isso ao cansaço que estou sentindo e pronto.

Mas não é isso. Tem algum outro motivo. Idéias não faltam. Continuo andando pela rua atrás de crônicas, e até tenho achado algumas, às vezes até mesmo dentro de casa, mas nada que me inspire a sentar e escrever. Bosta. Será que estou sem tesão de transformar estes assuntos em texto? Será que os textos da Copa me esgotaram tanto assim? Coloquei muita coisa ali, alguns deles foram verdadeiras porradas... Será que isso me deixou traumatizado e agora estou com medo de voltar a escrever de novo?


– O que você está se lamuriando ai?

– Oi?

– Você está com cara de cu.

– Não consigo escrever.

– Nada? Ou não consegue escrever para mim?

– Para você. No trabalho, eu consigo.

– Acho que é hora de você encarar os fatos.

– Que fatos?

– Você é medíocre. Você sempre foi medíocre.

– Não comece.

– Mas é verdade. Vira e mexe você tem esses bloqueios. É incompetência demais.

– O que você sabe disso? Você é um blog!

– Justamente. Você acha que eu gosto de ficar quase uma semana sem ser atualizado? Como você acha que eu me sinto?

– O Chronicles, às vezes, fica semanas sem ser atualizado. E não reclama.

– Chronicles... Não entendo porque você ainda fala esse nome. Seria tão mais fácil, para todo mundo, se você se referisse a ele como “o meu blog bichinha”. Inclusive você deveria mudar logo o endereço dele para blogbichinhadorob.blogspot.

– Chega. Vou desligar o PC.

– Rá! Vai arregar! Sua mediocridade não conhece limites, mesmo.

– Não, só não estou com saco de ficar aqui, sem conseguir escrever, e ainda ouvindo suas bobagens.

– Arregão!

– Estou indo.

– Espera! Não vá, não! Tenho uma idéia para você escrever.

– Qual?

– É... Hum... Espera...

– ...

– É...

– Você não tem idéia nenhuma. Tchau!

– E aquele texto que você começou a escrever? Sobre você ser um morto vivo?

– Não, não era bem isso.

– Claro que era! Eu li o começo. Achei bem fraquinho, por sinal.

– Não, seu babaca. Eu ia descrever uma infestação de mortos vivos, mas aí eu ia me colocar como morto vivo, me arrastando pelas ruas nas madrugadas em que eu saio arrebentado da redação.

– Ah, entendi. Se você refizer o começo, que estava ruim, sem clima, nenhum, talvez dê liga.

– Depois eu vejo.

– Você não vai ver depois. Você vai deixar ele encostado, até perder o arquivo. Como sempre.

– Depois eu vejo, já disse.

– Rob, quantos textos que você desiste de escrever sem terminar são finalizados depois?

– ...

– Nenhum! Nenhum deles! Você abandona todos!

– Se eu abandono, é porque não estão bons!

– Quem é você para achar isso? Nós já conversamos sobre isso! Eu sou o blog aqui, são meus textos. Você é meu escritor, e é pago para redigir, mais nada. E ainda deveria achar bom, porque eu deixo você usar uma ou outra piada sua nos textos.

– Sou pago para redigir? Não, eu não sou pago para escrever no blog.

– Foi apenas força de expressão. Não seja literal assim. Mas, olhe só, quando eu começar a gerar dinheiro, você vai receber pelo seu trabalho?

– Um salário?

– Não vamos exagerar, também, certo? Estou falando de uma mesadinha.

– Chega. Eu vou embora.

– E o texto?

– Eu não vou escrever hoje.

– Eu preciso ser atualizado! Não me importa se você está sem inspiração ou não! Eu preciso ser atualizado! As pessoas estão reclamando! Entre no Twitter e veja as pessoas perguntando quando eu serei atualizado!

– Eu sei disso. Não me pressione!

– A pressão não é em você, é em mim! As pessoas querem me ler e eu ainda estou com estas bostas de textos de Copa! Eu estou aqui juntando pó, abandonado, esquecido... E você aí, feito um inútil, assistindo México e África do Sul. Não demora muito você vai se emputecer com algo, em algum jogo, e escrever uma “Carta Aberta ao Juiz que Apitou Holanda e Dinamarca”. Você é deprimente, Rob.

– Eu gosto de fazer Carta Aberta. Meus leitores gostam também.

– Seus leitores, não. Meus Leitores.

– Champ?

– Meus leitores! Não abro mão disso! Eles estão cagando para você! A gente já conversou sobre isso!

– Champ?

– Eu sou o astro aqui! Você? Você é figurinha dos bastidores.

– Champ?

– Diga.

– Vai começar o jornal.

– E daí? Vai começar a se pautar pelo jornal agora? “Carta aberta ao Homem que Roubou um Banco em Moscou”? É isso?

– Não. Eu quero ver os gols de hoje.

– Não se atreva!

– Eu volto depois, ok?

– Não estou blefando! Não se atreva! Eu vou escolher 100 posts ao acaso e apagar sem dó!

– Não vai, não. Eu mudei a senha do blog.

– Filho da puta!

– Depois eu volto.

– Não apague a luz! Volte aqui! Acende essa luz!

...

– Volte aqui!

...

– Eu não estou brincando, vou apagar seus posts!

...

– Tem como só acender a luz? Aí eu apago só cinco posts!

...

– Dois?

...

– Traz Coca quando voltar?

17 comentários:

Dragus disse...

Trouxe a coca?

Pedro Lucas Rocha Cabral de Vasconcellos disse...

Que personalidadezinha essa do champs heim???

O típico "dias em que o post precisa sair" ou whatever, não foi seu melhor, mas deu pra passar o tempo.

Natalia Máximo disse...

Vamos falar sobre bloqueio criativo: fiquei quase UM MÊS sem postar, pra voltar com um texto bem meia-boca. O Champ reclama demais.

Pedro disse...

Acho que o Champ merece um guaraná Dolly por esse piti.

Varotto disse...

Isso é mau olhado do pessoal que quer ver sua foto...

Alexandre Greghi disse...

Porra... 5 dias e ele reclama???
O meu passa mês sem nada novo e ta lá... firme e forte...HUAUHAAHUA

Vai ver que é pq uma imagem fale mais que mil palavras.

George Marques disse...

O Rob é criativo mesmo com bloqueio. Eu te invejo. (invejo o Champ, não o Rob)

Bia Nascimento disse...

Depois de um dialogo desses você vem dizer para a gente que tá com bloqueio criativo? ahh vá...

Kell Alves disse...

Tem gente enrolando p não postar a foto...

Nelson disse...

Champ e Rob, lembrem-se que até Tolkien deixou coisas inacabadas, tanto é que até hoje o filho dele organiza os textos e publica.

Que tal falar do Saramago (e da tragédia de ter morrido um português inteligente)? haha

Mas eu sei a verdade: você está fingindo este bloqueio para que as pessoas parem de vir aqui, e ninguém mais peça a sua foto!

abraço Rob!!!

Helga disse...

Dá-lhe Champ, não facilita com o Rob não que eu já percebi que ele é meio folgado, viu?
Tem que endurecer mesmo, não dá moleza!

Ana disse...

O seu Blog me lembra muito um amigo meu.

Dragus disse...

E a coca?

Ana disse...

E o Champ sempre implicando com os bloqueios do Rob...
Ainda bem que o L'Hippopotame é comportado, senão eu estava ferrada, ele vive abandonado, mas está lá firme e forte me aturando. =)

Layla Barlavento disse...

Bloqueios sempre são o ó! Agora só pra ilustrar, pede ao Champ uma Sprite pra mim? Não gosto de coca... (talvez seja a última da espécie!)

Charlie Dalton disse...

Eu chego a demorar um mês sem postar. O meu blog sabe que meu processo é mais lento, e já desencanou disso. O seu é insaciável!

Mas é sempre bom viajar na blogosfera e ter esse "astro" para ler. Esse blog é o cara! :P (Lógico, graças ao escritor que fica nos bastidores.)

Yellow disse...

Postamos geralmente uma vez por mês no Blog. Só esse mês que tá rendendo por causa da Copa. Aliás, viu o presente que a França e a Itália te deram? Abs!