13 de outubro de 2009

(Falta de) Fôlego

É sério.

tem dias que a coisa simplesmente não funciona você acorda sai de casa dá o melhor de si em tudo o que faz e parece que nada certo você tira uma merda do caminho e surgem outras três logo em seguida e seus prazos estão acabando e você acha que não vai dar tempo entra em desespero e aí que você não consegue fazer mais nada mesmo e almoça engolindo a comida com pressa e deixando metade da bebida no copo e volta para sua mesa o telefone toca e o e-mail que você está esperando não chega e o celular toca e não é nada do que você precisa e o sms que você está esperando não chega e as pessoas vão colocando coisas na sua mesa e vai tudo acumulando cada vez mais e você não consegue se concentrar no texto dificílimo que está fazendo porque não param de chamar você e as coisas que você pede para as pessoas sempre recebe um não sei se vai dar como resposta e não consegue nem encontrar com a própria mãe no aniversário dela porque não conseguiu arrumar tempo e se sente um idiota por causa disso e tudo o que você quer é ir para casa e dormir ou comprar um cd e ficar ouvindo em paz mas aí você lembra que é adulto e que tem aluguel e condomínio para pagar e se controla tenta se concentrar no texto e o telefone toca de novo só para atrapalhar e o diagramador não faz nada daquilo que você pediu e assim você vai ter que refazer tudo passo a passo com o cara o que vai comer mais uma duas horas que você já não tinha do seu dia e nesse meio tempo você ainda leva mais um pouco de porrada de gente que você não esperava e que pior ainda você está começando a se acostumar e respira fundo sacode a cabeça e pensa se será sempre assim e de repente você só quer ir para casa brincar com seu cachorro e pedir desculpa a ele por ficar tanto tempo fora de casa mas nem isso você consegue mais e o telefone toca de novo e o sms que você espera não chega nem o mail que você precisa e aí você volta a tentar fazer seu texto mas não consegue porque a cabeça não acompanha mais o corpo ou o corpo não acompanha mais a cabeça então você resolve mandar tudo a merda acender um cigarro (sim porque eu nunca consegui parar) e escrever no blog porque ao menos você relaxa por uns dez minutos e faz um pouco de higiene mental mesmo sabendo que que que que nada deixa para lá não estou afim de tocar nesse assunto agora ou ao menos ainda e então você decide ao menos escrever um pouco desta vez não para os leitores mas para você porque de vez em quando a única coisa que resta é você usar aquilo que você tem de melhor que teoricamente no meu caso devem ser meus textos e nada mais a seu favor mesmo que pareça egoísmo e se conscientizar de que todo mundo leva uma surra de vez em quando e como você sempre disse aos outros o segredo não é não apanhar o segredo é saber cair e respirar fundo fechar os olhos e saber ou pensar ou ao menos torcer que um dia acabe e você consiga ao menos dormir um pouco sem ninguém cobrando se seu sonho foi aquilo que as pessoas gostariam que você tivesse sonhado e ainda consegue dar um sorriso quando lembra do john lennon gritando que i'd give you everything i've got for a little peace of mind e balança a cabeça tentando entender como é possível que as pessoas não consigam compreender o quanto você está cansado o quanto você continua dando o melhor de si e respira fundo e tenta se convencer de que você está fazendo o certo por mais errado ou pior ainda mais por mais difícil que ele pareça.

E é por isso que eu comecei a fazer terapia. Mas já já passa.

21 comentários:

R. disse...

se não passar, faça passar.

Pedro disse...

AAhhhhhhh!!!!

Somebody help me!!!!

M. disse...

R. sempre ajuda a passar ela manda a gente obedece e prontocabô assim sem pontuação mesmo com algumas virgulas perdidas e o ponto que ela sempre dá
(sou a amiga com a vida emocional esculhambada que ela tenta salvar diariamente, sem sucesso.)

Gilgomex™ disse...

lógico que os preparativos para o comentário do varotto já devem se iniciar... mas de qualquer modo tenho uma reclamação quanto ao texto... tem duas ou três vírgulas ali... e isso tirou a graça da leitura... heuehuehuehuehe

Dragus disse...

Terapia de novo ou aquela que disse meses atrás que começaria?

Entende-se porque determinados hábitos não mudam...

Minha correria vai começar... conhecendo minha sorte nesse exato momento os capetas que guiam sua vida olham para mim e dão sonoras risadas.

May. disse...

quando tudo me aperta, eu me apego as coisas mais "babacas" que existem. tipo o primeiro trago do cigarro, o banho de noite. acha essas coisas, suas coisas, que não dependem de ter tempo ou não. você pode estar correndo, elas não atrapalham.
e quando precisar, pega uma almofada, coloca na cara e grita.

se nada disso funcionar, ou se demorar muito pras coisas entrarem nos eixos, manda mesmo tudo a merda, porque ninguém merece ficar com tudo isso na cabeça.

=)

Pedro Lucas Rocha Cabral de Vasconcellos disse...

Força, Rob! Tava até achando estranho os 3 textos em tão curto espaço de tempo.

Mas se esse é de você para você, quer dizer que para nós, pelo menos para mim, tem muito mais valor.

abs

Larissa Bohnenberger disse...

Ufa!
Tentei ler sem respirar, como imagino que tu tenha escrito, mas não consegui!

Na Braga disse...

Ahaha..
fui até a metade sem respirar...
Então vamos todos para terapia!!!! haha

Alexandre Greghi disse...

Pô você nem pra dar uma ligada em casa... foda esses caras que mergulham no trabalho e esquecem dos amigos!
ahh... qual o tel. da sua psi... psi...psi...doutora? (é psicologa ou já evoluiu pra psiquiatra?)

Cami Pires disse...

você é muito mais do que imagina!

Dragus disse...

Muito mais... Fudido?

Muito mais... Ocupado?

Muito mais... Azarado?

Muito mais... Maluco?

Muito mais... Rob?

Muito mais... Gordon?

Muito mais... Muito mais... O que? =P

Jullia A. disse...

Gilgomex, a graça é essa.
A gente perde o folego lendo o texto.
E.. quem escreve assim, não tem só os textos de bom. (apesar de eu só conhecer o texto.. enfim

Kel Sodré disse...

Tenho um texto parecido com esse seu:

http://armariodecoisinhas.blogspot.com/2008/11/19-horas.html

Porém, claro, o seu é muito melhor... :-(

Dama do Lago disse...

Hummmm, terapia....Rob...terapia...

Vamos fazer um bolão para apostar quanto tempo seu terapeuta vai levar para desistir da profissão?

Tem dias que a cabeça da gente fica um turbilhão mesmo. E parece que só vai piorar.

Mas melhora, acredite.

Beijo

Sil

Leonor disse...

As pessoas,ao menos algumas, até sabem q vc está cansado(a), mas aparentemente não se importam, ou, estão tão cansadas qto, para se importarem...
Terapia ajuda...

Leandro disse...

deu até uma agonia de ler isso :-)

Juju D'Alcantara disse...

e quando a nave-mãe chega mesmo? quer que eu guarde um lugar procê?

Deisinha Rocha disse...

acho q é o primeiro texto q começo a ler e não consigo terminar...

uma tremenda confusão...

fui lendo de acordo com o q ele proporciona e foi faltando ar e ... eu me perdi!

mas aí me veio uma dúvida - pq eu não consegui ler seu texto: vc já conseguiu parar LEGAL de fumar?

bjOoca, Rob.

Varotto disse...

"lógico que os preparativos para o comentário do varotto já devem se iniciar..."

Ufa! (comentáriominimalistasópracontrariar mode: ON)

Lou disse...

Ah, essa metalinguagem... ou seja lá o nome dessa porra.