31 de julho de 2008

Bodas de Papel

Às vezes eu fico pensando e acho que deve ser o máximo ter filhos. Claro que deve ser difícil para burro, mas deve ser gostoso também. Mesmo porque eu gostaria de ser meu filho. Afinal, imagine ser filho de um pai que gosta de Iron Maiden, Nintendo Wii, Homem-Aranha e Star Wars e detesta física e química? Ah, sim, não podemos esquecer que eu serei um pai que sabe bater na bola de trivela – cortesia do meu pai, que me ensinou isso em tardes de sábado e cujo conhecimento terá que ser transmitido para o meu filho.

“Meus pensamentos foram interrompidos
devido a uma gordinha do Greenpeace,
que, quando me viu fumando ali,
olhou nos meus olhos como se eu estivesse
andando pela Floresta Amazônica com uma
serra elétrica e com um colar enfeitado
com a cabeça de um mico-leão.”
(julho de 2006)


Claro que não foi sempre que pensei isso. Quando eu tinha uns doze anos, minha maior ambição era fazer gols driblando (ou encobrindo) o goleiro. Já com uns dezesseis anos, meus pensamentos começaram a se voltar para a idéia de formar uma família, mas ainda era num estágio embrionário (leia-se: se eu conseguir beijar alguém hoje à noite, ganharei a semana). Aí, entrei na faculdade e meus pensamentos sobre família se intensificaram, mas pelo caminho errado, com aquele punhado de decotes e minissaias andando para lá e para cá. Ou seja, meus pensamentos sobre família, durante a faculdade, não eram exatamente familiares.


“– Uma Coca.
– Light?

– Não.

– Light Lemon?

– Não. Uma Coca. Sabe, a vermelha?

– Geli-limão?”

(agosto de 2006)


Mas de repente há um momento que você acorda e percebe que está com trinta anos – mesma idade em que seu pai já tinha dois filhos. OK, a situação econômica do país era outra, mas isso não serve como desculpa. Mas você começa a pensar e percebe que não teve um filho, não escreveu um livro e não plantou a maldita árvore. E como eu não curto botânica e já tenho um blog (alguém se habilita a publicá-lo?), o próximo passo, creio eu, será um filho. Não sei se da mesma forma que eu e a Sra. Gordon pensamos, com shows de rock no domingo de manhã com vassouras na sala, futebol jogado com travesseiros, campeonatos de videogame no sábado, mas acredito que seja o próximo passo.


“Com isso, minhas opções se resumem a duas:
ir até a varanda e começar a atirar na rua garrafas
com bilhetes como “Sou um jornalista preso
no oitavo andar. Por favor, mandem comida!”
ou me arrastar até o Pão de Açúcar
que tem ao lado de casa.”
(janeiro de 2007)


Mas, como eu disse, deve ser difícil para burro e eu tenho consciência disso. E nem só pelo aspecto financeiro, mas pela dificuldade de pegar uma pessoa que não sabe assinar o próprio nome e fazê-la compreender (sem enfiar a mão na cara dele) que cuspir nas outras pessoas no supermercado é errado. Sim, porque criança e juiz de futebol fazem muita merda. A diferença é que o juiz é vaiado por milhares de pessoas; já quanto à criança... Bem, cabe a você limpar a merda dela.


“De repente, o saco de pancadas se levanta,
e finalmente revela-se ao mundo em todo seu esplendor:
um punk gordinho, de 20 e poucos anos, trajando
seus tradicionais jeans, jaqueta de couro e
um cabelo moicano (roxo) que devia ter
a altura de um prédio de três andares.”
(abril de 2007)


Não sei, algo me diz que vou passar o resto da minha vida – desde que essa criança nascer – andando com o moleque na tênue linha entre o que é divertido e o que é errado. E, por mais que a Sra. Gordon reclame disso, tenho certeza de que ela vai estar na mesma linha. Mas, como eu disse, se eu conseguir dar metade da educação (e um décimo da felicidade) que meus pais me deram, sairei daqui com a missão cumprida.


“Além disso, a coisa já tinha
virado questão de honra.
Eu não queria
mais carolinas, eu queria
AQUELAS carolinas.”

(junho de 2007)


Ou seja, tenho certeza de que aprenderei alguma coisa, cada vez que eu tiver que ensinar algo ao meu filho – desde a ordem de todos os filmes do 007 ou todos os campeões e países-sede da Copa do Mundo (sim, eu falo essas duas coisas sem apelar para o Google), até escolher entre uma carreira ou como se desculpar com a namorada pela cagada que fez (porque aos olhos dele eu serei bom nessas coisas).


“A mulher queria se matar se jogando
do sétimo andar, e, quando salvam a
vida dela, ela geme de dor caindo
de uma altura de uns 60 cm? Porra, só pode
estar de brincadeira.”
(agosto de 2007)


Enfim, estou falando tudo isso porque meu filho, hoje, completa dois anos. Ou, ao menos, o mais próximo de filho que tenho (Besta-fera não conta, ele é melhor amigo): este blog. Sim, porque na equação posteridade = árvore + filho + livro, este blog é que chega mais perto de ser árvore, filho e livro. Ao menos, por enquanto. Afinal, eu cuido dele, dou textos novos, penso em mudanças, acompanho o crescimento diário dele, tento, todos os dias, fazer dele algo melhor que ele era ontem.


“– Senhor, eu estou olhando a senha aqui
na minha frente. O senhor precisa me
confirmar essa informação.
– Como você está olhando se ela não foi criada?

– Ela está aqui na minha frente.

– Ok. Foda-se. Você precisa de uma senha?
Ótimo. Minha senha é 1 2 3 4.
– Um minuto, senhor. Vou checar.

– Não, animal, não precisa checar nada.
Eu acabei de inventar essa senha.”
(novembro de 2007)


Exagero? Pode ser. Este blog nasceu como um hobby (há outro motivo, mas ele interessa somente a Sra. Gordon – e ela sabe qual é), mas acabou ganhando um grande espaço na minha vida. Como eu disse, pode ser exagero. Mas me mostre um blogueiro (blogueiro não é aquela pessoa que cria um blog, posta meia dúzia de vídeos nas férias e o abandona) que diz não amar seu blog, e eu te mostro um mentiroso. Ou seja, dadas as devidas proporções, este blog é meu filho.


“Era a mesma expressão vidrada e maníaca
que eu via nos olhos da minha mãe quando
saíamos para comprar roupas. É o olhar de
um daqueles sociopatas que se divertem
fazendo com que as pessoas experimentem
dezenas de peças de roupas em 5 minutos”.
(abril de 2008)


E se ter filhos for assim, será extremamente divertido. Afinal, foram dois anos maravilhosos. Cagadas? Claro que teve, sempre tem. Minhas (textos fracos – e, por mais que vocês neguem, eu sei que tem textos fracos aqui) e dele (quando ele resolve aprontar com os malditos códigos). Mas, no custo X benefício, foi muito bom. Faria tudo igual, do mesmo jeito. E quando recebo um comentário dizendo “acordei meus pais com minhas risadas lendo seu texto” ou “não consigo mais ler seu blog no trabalho, serei demitido”, sei que ele é, antes de tudo, um blog feliz.


“– Quem está falando?
– BRICK TOP. SUA SÍNDICA.

Deus do céu.

– Como vai a senhora, tudo bem?

– NÃO. SE ESTOU LIGANDO PARA
VOCÊ, É PORQUE NADA ESTÁ BEM.”
(julho de 2008)


E é feliz por causa de vocês. Sim, vocês. Todos os amigos que ele tem e que, assim como ele, me ensinam algo novo a cada dia, a cada visita, a cada comentário. Sendo assim, vou para o meu quarto assistir TV com a Sra. Gordon e deixar vocês, crianças, por aqui. Hoje, a festa é dele e de vocês.

Obrigado a todos pelos últimos dois anos.

Antes da festa, porém, deixo vocês (como fiz ano passado) com uma relação de estatísticas do Champ em sua história (sem contar este post):

1. 290 posts

2. 1.380.370 toques (com espaços, claro)

3. 242.197 palavras

4. 4166 comentários

5. 99 mode: on

6. 140 Top 5

7. 03 prêmios (melhor blog desta, desta e desta comunidades do Orkut)

8. 57 indicações (somando todas elas aí ao lado, incluindo as recebidas nos últimos meses, que ainda não estavam contabilizadas)

43 comentários:

Gilgomex™ disse...

Primeirão, primeirão...

agora vou ler... heueuehuheue

Rob Gordon disse...

Bom, já está mais do que claro quem será o animador da festa.

Gilgomex™ disse...

heuheuheheuheheuheueu... sim... serei eu...

"2. 1.380.370 toques (com espaços, claro)

3. 242.197 palavras

4. 4166 comentários"

tá... se eu disser que não acredito e que vc é um mentiroso filho da...
vc vai ficar bravo, vai me mandar tomar em vários lugares, onde eu provavelmente não vou quer, ou então vai me mandar contar um por um...

mas mesmo assim... vai mentir na casa do Carvalho.

PS: parabéns pelo seu filho... e quanto as cagadas do bebe e do juiz de futebol, tem outra diferença... o juiz é vaiado e xingado, e o bebe é chamdo de lindinho mesmo fazendo as coisas mais terriveis... cagadas literias ou não.

Adônis disse...

Parabéns... :]

Tomara q seja só o começo!

Deisinha disse...

"Primeirão, primeirão..."

"Bom, já está mais do que claro quem será o animador da festa."

- A quinta!!!!!

não consigo parar de rir disso... sei lá porque...

heeeeeeeeeeee
\o/
hj vai ter uma festa, como bolo guaraná e muit...

tá, parei!

Mas aew... parabéns!!!!

E Muitos, muitos anos de posts pra vc...

RockerZ disse...

bom.. se blogs são os filhos dos blogueiros.. entao vc é uma "supernanny" dos blogs..


Parabens por mais um ano conquistado..


PS> fiquei 2 semanas de férias, e tive a brilhante idéia de ficar essas 2 semanas sem encostar no PC..
a 1ª coisa que fiz qndo entrei na internet, foi ver qntos posts vc tinha postado... por isso.. acho que seu blog é uma "DROGA".. vou precisar de terapia pra largar o vicio..( se algum dia eu querer largar né xD )

Dalleck disse...

"Mas me mostre um blogueiro (blogueiro não é aquela pessoa que cria um blog, posta meia dúzia de vídeos nas férias e o abandona) que diz não amar seu blog, e eu te mostro um mentiroso."

Faço destas, minhas palavras e fonte de inspiração para daqui há 2 anos poder escrever algo semelhante a esse post. O sucesso vem com o tempo e demora, mas a recompensa é prazerosa.

Dalleck disse...

O Championship Vinyl ganhou um selo personalizado de aniversário do blog Farofa à Milanesa =D

www.farofaamilanesa.blogspot.com

<> Gui <> disse...

Leio seu blog já faz um tempo. Conheci o pela indicação de um amigo... gosto muito e dou várias risadas hahahaha

nunca tinha comentado pq sempre tem muitos comentarios e menos um 'nao faria' diferença...alem do mais esse código aqui em baixo é um saco...

só que hj resolvi aparecer , já q seu filho faz 2 anos...


valeu abraço

Felipe Lima disse...

Só dois anos? Faz exatamente um ano que acessei seu blog pela primeira vez, mas parece que "brinco" com seu filho há anos, tamanha é a familiaridade que tenho com ele e com seu pai. Parabéns pela criação que tem dado ao Champ, pelo visto ele se tornará uma ótima pessoa quando crescer, graças ao seu talento e dedicação. Ah, gostei muito da iventividade do post, foi bom relembrar alguns momentos. Fiquei com vontade de reler diversos posts. Bom, acho vou fazer isso ...

Pâmela disse...

"mas acabou ganhando um grande espaço na minha vida."
Não só na sua Rob, na minha e de um montão de gente aí, eu posso apostar.

Leon disse...

É, ler esse texto me lembra que eu tenho o meu júnior para cuidar tbm (meu blog, afinal tenho só 17 e não pretendo ter família anytime soon.) e - puxa vida - meu amor incondicional por ele e não me importar mais se é bom ou não. É meu e isso que importa.
Parabéns Rob, por esse "filho" seu, ele é mto gente boa, sabe? =]

Helen disse...

Queremos bo-lo!
Queremos bo-lo!
Queremos bo-lo!

Parabéns, Rob!
Pelos dois anos e, principalmente, pela qualidade do blog. Leio to-dos-os-di-as! Nunca acordei meus pais com as gargalhadas, porque a minha risada é estranhamente quase-muda (só pessoalmente pra entender), e nem serei demitida, porque leio em casa...mas muitos trabalhos acadêmicos tiveram que esperar com uma cara não muito agradável até que eu passasse aqui primeiro. =}

Sou uma leitora que pede sagas, reclama quando o post é curto e torce pros vendedores da Editora Globo te pararem no meio da rua e tudo mais, mas sou leal! Hehehe!

Parabéns mais uma vez! =D

Tyler Bazz disse...

290 posts em 2 anos... sua produção me inveja!
Mais ainda pela qualidade. Mas nao ficarei jogando confete aqui, porque você sabe muito bem da qualidade do filho que criou...

Parabéns Rob e Champ! E toda a galera do blog! \o/

E:
- O outro motivo deve ser "pegar mulher", certeza... aUHAuhaUHA
- Será que eu consigo essa das Copas do Mundo?!


o/

Fraturas Expostas disse...

Realmente, depois de ler deu vontade de dar Feliz aniversário Championship!!!

rob, parabéns mesmo, isso aqui é uma maravilha de blog!

bjos!

Sir Lucas Ventura disse...

Carai.
Emocionante pacas esse texto.

É muito bom saber que sou leitor de um blog onde o autor é tão apaixonado pro ele, e não está preocupado com os pageranks e AdSense por ai.

Brigadão, Rob.

Gilgomex™ disse...

"O Championship Vinyl ganhou um selo personalizado de aniversário do blog Farofa à Milanesa =D"

axo isso um tremenda bobagem frescura, viadagem, coisa mais boba, desnecessária, sem graça, inútil e... putz... inveja é phoda...

tb quero um desses... heuehueheuheuheuheue

LucasCF disse...

Parabéns Rob e champ. xD

lucascf disse...

Eu sou o cara que logo logo vou ter um comentário em cada post seu. Pode ver no primeiro post do blog, tem um post meu lá, estou lendo todo seu arquivo, pois conheci o blog há pouco tempo e comentando em tudo. Mesmo que talvez você não leia.

Thiago Neres disse...

Parabéns papai e parabéns para o filhinho. Espero que ele se comporte no dia dos pais =)

Eu ia começar este comentário com uma musiquinha da Xuxa, mas lembrei que se ouvir ela de trás pra frente tem umas mensagens do capeta, então deixei pra lá.

Feliz aniversário mesmo assim!
:D

Angie McFly disse...

Leio este blog tem MUITO tempo, mas nunca comentei. Só que como hoje é aniversário do blog, acho que ele merece minha "ilustre" presença por aqui :D
Parabéns pro pai (que deve estar uma coisa de orgulhoso lendo esses comentários) e parabéns pro filho.
Sou uma "fã", e espero que algum dia meus textos sejam pelo menos um pouco do que os seus são.
Dois anos, e que muitos outros venham!

Otavio Cohen disse...

YEAH! fui o vigésimo-e-enfim, não importa!

não acordei meus pais com risadas, mas acredita q foi tão emocionante q quase chorei. tá bom, foi exagero.

feliz blogoversário, champ.
e para o rob, juro q achei q vc ia anunciar a gravidez da sra. gordon...

Dalleck disse...

Tá bom Gomex, eu faço um pra você também! =D

Paulonando disse...

Já passou o tempo mais difícil da vida de um blog! Nestes 2 anos foram criadas raízes para a sua permanência. Se você quisesse poderia manter o blog com posts semanais ou mensais; não é isso que ocorre, pois temos sido agraciados com vários posts semanais, de ótima qualidade; sagas, aventuras, críticas, humor, estórias, tudo bem escrito e concatenado. É dos melhores blogs de toda a blogosfera!!!

Renata disse...

Que tão lindo esse texto!
Parabéns pra vc. Pro Champ. Pra toda a família Gordon. Inclusive pro gordon-cão, injustamente chamado de Besta-Fera.
Saudades. Quero férias pra poder ir a SP visitá-los :/

Gilgomex™ disse...

gordon-cão????

heuheuehuheuheuehueheuheuheuehueheuehuehuehueheuheuehuehueeuheuheuehuehuehueueeuhe... arf, arf,... hueheuheuheuheuheuheuheuehueheuheuehueheuheuehueheuheuheueheuehuehueheuheuheuehueheuheuehueheuheuheuheueheuhuheuuee.. peraí q tem mais um pouquinho... heuheuehueueuehuehuehuehueheuheuheuehuehuehueheuheuehueheuheuehueheuheuehuehueheuheue...

ai ai...

BrigALEiro (tá...tá... muito fraca essa) disse...

HAUAHUAUHAHUA

"Helen disse...
Queremos bo-lo!
Queremos bo-lo!
Queremos bo-lo!"

E cerve-ja...!
E cerve-ja...!
E cerve-ja...!

Tá... o aniversariante tem só 2 anos e provavelmente a festinha vai ser de tarde, mas cá entre nós, cerveja a tarde num dia quente no meio da semana é algo indescritível. :D

MaxReinert disse...

Rapaz....

Nem sei o que dizer numa hora dessas... principalmente porque nao quero ser engracadinho , nem nada!!!

Vou dizer o obvio: eh um dos melhores blogs que leio e ponto final.... sinal de vida inteligente (e cada vez mais rara!) no mundo e na blogosfera!!!!!!

Thanksssssss!!!
Vida longa ao Champ!!!!

(PS: desculpe a falta de acentos!)

Thiago Apenas disse...

Vida longa ao Champ!
Em breve teremos o lançamento anual do "almanaque Champ". anotem o que estou dizendo...
PS - Gomex mode on: gordon-cão????
ahuahauhahuahhauaahuhauhauhauhuahauhauhauhauhauahuahuahuhauahuahuhauhauhauhauhauhuahhauhuhauha Gomex mode off

Lady Dari Rizzi disse...

td isso?
e eu acesso td dia?
ai meu deus!
qts anos mais vou ter q passar por aqui
vicio lazarento²

Li disse...

oi Rob!
seu blog me inspirou tanto que eu resolvi fazer um também... um beijo pra vc

Dalleck disse...

Pronto, posso morrer em paz e feliz, o Rob comentou no meu blog xD~

aheuhauehuahea \o/

gabriela disse...

Obrigada ao pai e ao filho por grandes momento de descontração.

Vida longa aos dois!

gabriela disse...

corrigindo: momentos.

Chantinon disse...

Eu já tenho um filho, já plantei árvores (coqueiro vale?), e não escrivi um livro, mas li muitos.
Falta agora fazer um blog :)

Brincadeira, eu tenho um blog...
Ah! e um filho.

Não vou negar, venho poucas vezes aqui no Champ, acho que é um certo preconceito meu com blogs de sucesso... Mas vou falar, dos blogs que fazem sucesso só esse aqui vale a pena!

fernando disse...

Cara, achei teu blog em uma comunidade do orkut...Sinceramente, embora tu jah deva ter ouvido isso muitas outras vezes, e pelo que percebi trabalha nessa area de comunica�o, tu � muito competente no que faz, parab�ns...belissimo blog...agora, chega de puxar saco e bora encarar a semana q come�a...flw cara

Kel Sodre disse...

Tá tudo muito bom, tá tudo muito bem, mas CADÊ OS BRIGADEIROS DA FESTA??

Fora isso, Rob, parabéns pelo super pai que você é para o Champ. Parabéns pelo caráter que você ensina a ele, pela personalidade que ajuda a formar, pelos valores que imprime em cada post. E já aproveito a ocasião para desejar Feliz Dia dos Pais adiantado!

Champ, escolha seu presente (e seja razoável, lembrando que sou uma mera mortal estagiária!)

Unlucky disse...

Parabéns Rob...

parabens pelos textos...
pela alegria...
pelo simples prazer, q é ler esse blog....

e parabéns por vc ter saco de aguentar figuras como Hóstia, Carmilla, Glump e outros (que não tem o q fazer) que virão...

Mas nem ligue esses ae não..


=D


♪♪ "Ta na hora de apagar as velinhas,
Vamos cantar aquela musiquinhaaa(...)" ♪♪

E que venham mais 20 anos o/

Tyler Bazz disse...

Concordo com absolutamente TUDO no seu Top5!!! \o/

E olha que na sexta à noite eu e meu primo ficamos MUITO ruins do estômago, possivelmente foi a Picanha, e neeeeeem assim ela sai do primeiro lugar! aUHhauaHUA

o/

Rejane Oliveira disse...

Parabéns aos dois anos de muita produção.

Abra�os!

Perci Carvalho disse...

Gilgomex™ disse...
[bla bla bla...]mas mesmo assim... vai mentir na casa do Carvalho.


aaah Nao!!! lá em casa naaaum!!!
acha outro canto sô!




êeeeeê parabens pro bloooog!!!




*nossa q comentario inutil este, eu sei...*

Varotto disse...

Mais um ano?!? Ixe!

Eles crescem tão depressa...

PS: Ué, não tenho mais de digitar xiflosszidde, ou qualquer um daqueles códigos esquizóides para fazer comentários??

Dama do Lago disse...

Parabéns ao Champ por aguentar o Rob há dois anos!! ^_^

E parabéns ao Rob por seus textos incríveis!

(pedindo licença à Sra Gordon)

ROB, ADORO VOCÊ BAIXINHO!!! ;P

Beijo

Sil