14 de setembro de 2012

(Re)Contagem Regressiva


Onde eu estou? Ah, estou no quarto. Acho. É. Deve ser o quarto. Que horas são? Merda de relógio que tem a luz fraca. Preciso saber quanto tempo eu tenho para dormir. Acho que tem um rádio relógio ao lado da Ana. Eu lembro de já ter visto um rádio relógio ali. Por favor, faça com que seja cedo. Eu preciso dormir. Faça com que eu tenha umas dez horas para dormir ainda. Merda, preciso me sentar na cama para ver as horas. Cadê o rádio relógio? Será que o gato derrubou? Ah, está ali. 236. O que é 236? Ah, não. É 2:36. O que é isso? É o tempo que eu tenho para dormir ainda? 2:36 até acordar? É muito pouco. Merda de contagem regressiva. Duas horas de sono. Merda.

Perdi a hora! Não. Espera. Está tudo escuro ainda. Que merda é essa na minha cara? Gato folgado do caralho. Que horas são? Por favor, faça com que a contagem regressiva ainda esteja grande. 2:34. No máximo 2:20. Por favor, eu preciso dormir. Vamos ver. Sai, gato, deixa eu sentar aqui. Merda de rádio relógio que fica se escondendo. 3:17. Como assim, 3:17? Eu ganhei uma hora? Tenho três horas de sono? Eu voltei no tempo? Eu sou foda! Eu voltei no tempo! Vou dormir mais para comemorar. Sai, gato!

Já está clareando? Como assim? Eu não voltei mais no tempo? Cadê o rádio relógio com a contagem regressiva? 6:41? Como assim está clareando? Eu ainda tenho quase sete horas de sono? Eu preciso dormir! Cadê a escuridão? Cadê a noite? Foda-se, tenho quase sete horas de sono. Se eu já dormi umas cinco... Sete mais cinco. Quanto dá isso? Sete e cinco. Porra, quanto dá isso? Bom, sei que é mais que dez. Amanhã eu faço a conta direito. Dez horas de sono! E vou acordar só daqui a sete horas! Foda-se que já está claro, vou dormir feito um louco. Se a Ana abrir essa janela, eu mato ela. Mato ela e mato o gato. Dez horas de sono!

Esqueci de passar um texto! O texto do... Do... Como era o texto mesmo? Eu escrevi aquela merda, será que dá para passar agora? Não, espera, eu ainda estou no quarto. Estou? Cadê a Ana? Isso é chuva? Não, é o chuveiro. Quem ligou o chuveiro? Foi o gato, aposto. Eu vou matar esse bicho. Mas primeiro eu vou dormir. Quanto tempo eu ainda tenho? O que está escrito naquela merda? 8:42? 8:42 o quê? O que é 8:42? É a contagem regressiva? Mas já está claro! Merda de relógio que está errado! Já amanheceu! Merda de contagem regressiva imbecil. Como assim, 8:43? Está aumentando? Espera. Aquilo no relógio é o horário, não é uma contagem regressiva! São quase nove da manhã! Eu não quero saber que horas são, eu quero saber quanto ainda posso dormir! Que tipo de relógio fica mostrando as horas? Filho da puta de relógio injusto. Merda! Vou dormir mais dez minutos. Foda-se. Não quero nem saber. Eu mereço. Dez minutinhos. Os dez melhores minutinhos do mundo. Que delícia. Dez longos minutinhos de sono. Sai, gato! Caralho!

16 comentários:

Fagner Franco disse...

Muito bom. Bom de ler rápido, bom de ler. E realmente precisamos de um relógio que mostre o quanto ainda podemos dormir. Se bem que sempre pareceria pouco. Foda. Tem que matar o filho da puta que inventou esses horários de trabalho, aliás, burro foi quem determinou esse tanto de horas por semana. Diminuiria os 7 dias para 5 e o trabalho de 40-44 horas semanais para 24.

Varotto disse...

Cara, eu realmente acho que você precisa de ajuda profissional. O que? Você já tem? Então precisa fazer terapia de grupo. Você e um grupo de terapeutas para conseguir dar conta...

disse...

HAHAHAHAHA e eu aqui, escandalosamente rindo do gato fdp e do relógio-marcador-de-tempo-de-cozinha que vc mantem no quarto (ou na cabeça). Adorei!

Tava sentindo falta de ter que me explicar no escritório o pq eu rir tanto sozinha com o computador. (é que eu nunca estou sozinha, tem sempre algo/alguem do outro lado da tela)

Larissa Bohnenberger disse...

HUAHUHAHAUHAHAUAHUHAUHAUHAUHAUHAUAHUHAUAHUAHUAUUAAHUAHUAHHUAHUAAUHAUHAUHUHAUHAAHUAHAUHHAUAHUAHUAHUAHAUHUAHUAUAHAAHUAHHAUAHHAUAHUAHAUAHUAHUAHAUHAU!!! Tô chorando de rir, aqui... É bem assim comigo também... Merda de cérebro que não desliga nunca, nem quando tá dormindo... kkkkkkkkkkk.

Bjs!

Ana Claudia Savini disse...

Sim, o gato poderia ter ligado o chuveiro. Mesmo.
E sim, o Rob só "acorda" depois de mais ou menos 2 horas que ele realmente acordou.
E sim, ele fica sentado na cama à noite.
E sim, eu me casei com ele. :P

Sérgio Miranda Leitão disse...

Sempre o gato....hahahahahaha.

Texto sensacional...pra variar!

Abs.

Iza disse...

Quatro anos lendo Rob Gordon.

Sei lá, quis vir dizer isso.

Quando li o texto no dia que postou estava numa reunião de trabalho e tive ataque de riso compulsivo. Foi mal

Agora tenho o cuidado de ler teus textos fora do trabalho.

PS: Quero acessar o link para adquirir os livros, ( que eu já deveria ter comprado mas não tinha grana na época ) mas o link na barra lateral está quebrado.

Como Faz?

Saudações e parabéns ( atrasado ) pelo casamento.

Sou casada a mais de vinte anos e sei bem; encontrar alguém que a gente ama e se afina; não tem preço.

Rob Gordon disse...

Fagner:

Rápido de ler, mas (infelizmente) rápido de dormir também!

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Varotto:

Ajuda profissional? Na verdade, umas poucas horas de sono já ajudariam bastante. Mesmo.

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Fê:

Com certeza, você vai ter que se explicar muito ainda lendo o Champ. Pode apostar nisso!

Obrigado!

Beijos!

Rob

Rob Gordon disse...

Larissa:

O problema não é que meu cérebro não desliga, mas sim o fato de que ele fica ligado em meia fase. :)

Beijos!

Rob

Rob Gordon disse...

Ana:

Sorte minha. :)

Beijos!

Rob Gordon disse...

Sergio:

Vai por mim, você não conhece o gato. :)

Abraços!

Rob

Rob Gordon disse...

Iza:

Muito obrigado, não apenas pela mensagem como pelos quatro anos.

Já os links para os livros estavam com problema mesmo. Obrigado pelo aviso, agora eles estão em ordem, pode testar. :)

Obrigado!

Beijos!

Rob

Iza disse...

Oba!

Consertou o Link!

Vou às compras...

Sucesso!

Beijos!

Rob Gordon disse...

Iza:

Boas compras. E boa leitura, espero que goste!

Beijos!

Rob