24 de fevereiro de 2011

Letra e Música

Todo blog que se preza, em algum momento de sua história, apresenta um post somente com um vídeo. Nada mais que isso: o título da postagem, e um vídeo – normalmente um clipe musical. Quando muito, além do vídeo, existem uma ou duas frases comentando a música em si.

Minha vez de tentar.





Pronto. O vídeo está aí.

Mas por mais que eu adore música, eu não consigo ficar sem letras.

E este é justamente o motivo do vídeo. Poucas horas atrás, fui convidado por um leitor do blog, o @RicoCorreiaUP, para participar do projeto Musicontos. A ideia consiste em “cronicar” uma música qualquer, interpretando a letra.

Sim, eu já tenho um texto assim, baseado no blues Love in Vain, do Robert Johnson e que está no Anônimos e Urbanos. Mas eu não queria reaproveitar o texto porque, primeiro, a ideia é boa demais para isso. Segundo, aquele texto pertence ao livro, e somente ao livro.

Não foi difícil escolher uma música. Muitos fãs de Iron Maiden detestam esta música, alegando que “a banda se vendeu”. Bobagem. Apesar de ser uma balada – a primeira na discografia do grupo –, ela não é uma música sobre amor, mas sim sobre solidão. Como eu queria escrever algo no estilo do Chronicles, seria perfeita. Além disso, o verso “in your eyes I see the hunger” é fortíssimo, serviu como excelente ponto de partida.

Assim, sentei na frente do PC, com a música tocando, e deixei me levar. Fiz o texto, literalmente, em questão de minutos. Sim, admito que ele e curto, mas mesmo assim é engraçado como alguns textos parecem estar prontos dentro da gente, apenas esperando para ser escritos. Este foi um deles.

Espero que gostem (está aqui). E, claro, convido vocês a conferirem os demais textos do projeto Musicontos.

7 comentários:

Dalleck disse...

Li e gostei muito! Achei bem forte, principalmente a última frase. As músicas do Iron Maiden sempre me inspiram.

Lilian disse...

Caramba, Rob. Que texto triste. E profundo. Adorei. Às vezes, não é preciso um monte de palavras para dizer tanta coisa...

PS.: esse Musicontos me lembra um bocado a Mojo Books. Não sei se já conhece, mas acho que você ia gostar do projeto, já que sua ligação com música é tão forte: www.mojobooks.com.br

Abs!

disse...

Lerei na sequência, só queria dizer que tocava essa música quando tinha uma banda (há muito tempo, numa terra distante). Ela é FODA!
Brigada pela lembrança! =)
Agora bora ler o conto!

Ana disse...

Ficou ótimo!
Mas Love in Vain... *.*

Alessandra Costa disse...

Não podia ter escolhido uma música melhor.
Muito legal o texto e o projeto também :D

Ricardo disse...

Bom dia Pessoal.

Mais uma vez gostaria de agradecer ao Rob todo o apoio que ele está nos dando.

O projeto começou meio que sem querer e conforme foi tomando forma, resolvemos(não sou maluco e falo de mim na terceira pessoa não tem um amigo que ta tocando o projeto comigo)convidar algumas pessoas que poderiam se interessar pelo projeto e que gostassemos do jeito que escreve.... de cara o Rob foi quem pintou na cabeça.
A idéia agora é abrir o convite para qualquer um que se sinta com vontade de "Cronicar" uma musica, o projeto só foi idealizado por mim e pelo @TaianAoki, mas sem a participação de outras pessoas ele fica meio que sem graça, é mais legal quando bastante gente brinca junto.
Lilian não conhecia o mojobooks não, mas achei muito legal, não esperava de qualquer jeito que a idéia fosse inédito, e até me espantou não ter achado nenhuma coisa parecida logo de pronto, de qualquer jeito ja vi uns dois livros que me interessaram muito no site(hehehehe).
Convite está feito a quem quiser participar e mais uma vez infinitos obrigados ao Rob.

Abraço

Ricardo

Sil disse...

Lindo texto Rob, parabéns!

Achei o projeto muito interessante, como é mencionado lá, toda música tem uma história e a sua caiu como uma luva.