22 de agosto de 2006

A Dama na Água

Assisti hoje ao filme novo do Shyamalan, A Dama na Água. O filme narra a história de um zelador de um prédio que encontra uma ninfa na piscina do local (adolescentes & tarados de plantão: parem de pensar na peituda de 16 anos do 3º andar. Ninfa é uma criatura mitológica) e precisa ajudá-la a voltar para seu reino - o problema é que no jardim do prédio tem uma criatura monstruosa caçadora de ninfas.

A história parece boba? Sim, pois Shyamalan dessa vez arquitetou um conto de fadas. E todo conto de fadas tem a história boba por definição. Mas os filmes de Shyamalan sempre tem um diferencial: são filmes do Shyamalan. Num cinema cada vez mais uniforme e nivelado por baixo, o diretor consegue ter um estilo próprio e realizar cenas que deixam a platéia aterrorizada de medo na poltrona. Num mundo onde as cenas de suspense são pretexto para impingir emoção ao roteiro, e mais nada (já que a platéia sabe que o final sempre vai ser feliz) Shyamalan, em todos os momentos faz o espectador pensar: "será que esse louco realmente vai fazer tudo dar errado? Será que ele vai matar todo mundo?"

A crítica, obviamente, vai meter o pau, dizendo que "Shyamalan é uma mentira", "que o filme não decola" (ou "doesn't deliver", como dizem lá fora, de forma muito mais estilizada) e "que é diretor de um filme só" (sim, adivinhou: estou falando de "I See Dead Ppeople"). Ah sim, e outra coisa que adoram dizer sobre ele: seus filmes não tem final. Desculpem derrubar vossos castelinhos de carta, mas seus filmes têm finais sim. E finais dos bons. Não é culpa dele - aliás, nem sua - se os filmes dele criam uma idéia errada na platéia por causa da forma como são vendidos. Corpo Fechado não é um filme sobre um super-heróis, como foi vendido; Sinais não é um filme sobre uma invasão alienígena. Reveja os filmes e preste mais atenção na história do que no ambiente da história.

Eu, obviamente, adorei. Se Shyamalan lançar nos cinemas as filmagens da festa de aniversário da sobrinha, provavelmente eu vou gostar.

E, o dia que Shyamalan acordar e decidir... "Hum....vou escrever um roteiro e oferecer para o Keanu Reeves!"... Bem, aí vai começar um dos maiores dilemas intelectuais da minha existência.

5 Maiores Bobagens que Dizem sobre Shyamalan:

1. Por que ele não faz O Sexto Sentido 2?
2. Corpo Fechado só vai fazer sentido quando ele completar a trilogia.
3. Cara, o alien de Sinais é muito mal-feito! E só aparece no final, que saco!!
4. Ele deveria era fazer O Sexto Sentido 2...
5. Já acabou? Como assim? Que bosta de filme!

6 comentários:

I see... disse...

sim, você me fez ver o tio Shy com outros olhos, sooo... preciso rever Corpo Fechado e a Vila. Pq na verdade, não assisti direito esse ultimo. Vou começar a prestar mais atenção. Afinal, peguei uma certa RAIVA da frase "I see dead people".... :P

Carol disse...

"Eu, obviamente, adorei. Se Shyamalan lançar nos cinemas as filmagens da festa de aniversário da sobrinha, provavelmente eu vou gostar."

"E, o dia que Shyamalan acordar e decidir... "Hum....vou escrever um roteiro e oferecer para o Keanu Reeves!"... Bem, aí vai começar um dos maiores dilemas intelectuais da minha existência."

Existe contradição nas suas duas últimas afirmações.

Ou você gosta de tudo o que ele faz (festa de aniversário da sobrinha), portanto não sendo parâmetro para opiniões, gostando inclusive do filme dele com o Keanu Reeves, ou não.

Rob Gordon disse...

1- Resposta lógica: A contradição é exatamente a causa do meu dilema intelectual: como gostar de um filme que provavelmente vai ser bom, mas tem um dos 10 piores da história (do mundo, e nao do cinema)? Sim, o pior, porque o Tarcísio Meira não conta.

2 - Resposta implicante: Talvez porque eu acredite que a sobrinha de Shyamalan rende mais na frente das câmeras que o Keanu, já que o único onde sua performance não puxa o filme para baixo é Matrix, um papel que não exige nada dele.

3 - Resposta detalhista: Tomei o cuidado de não afirmar categoricamente que IRIA gostar do aniversário da sobrinha e nem que NÃO IRIA gostar de um filme do Shyamalan com o Keanu. Num tribunal, um bom advogado conseguiria transformar isso num atenuante.

4 - Resposta Robgordiana: Eu sei, não é a primeira vez que me contradigo, especialmente em assuntos importantes para o desenvolvimento da humanidade, como cinema, rock e quadrinhos.

Katie Karr disse...

Eu também amo Shyamalan... Corpo fechado, Sinais, Sexto Sentido, lindos. A Vila, lindinho... ou seja, acho o mais fraco dele. Agora, como confio no seu gosto, já que é infernalmente similar ao meu, tenho que ver o novo. Brigada.

Rejane Oliveira disse...

Com certeza Robinho "Sinais" vai muito além de invasão alienígena e blábláblá... a mensagem que o filme passa é no minimo revigorante pra quem precisar ter mais fé na vida e de que nada acontece por acaso...

bjos

Ana disse...

Olha só... Você falou tudo aqui em (pera vou ver a data do post) 22 de agosto de 2006 o q eu queria escrever outro dia no meu blog sobre A Dama na Água e o Shyamalan e não consegui.
Puto.
hahahaha

=)

*Puta insônia, varei a noite acordada e resolvi ler o Champ de trás p frente, coisa q nunca tinha feito, mas resolvi comentar aos poucos pq tem mto o q comentar. Depois comento mais. rs